A chapa encabeçada pelo chefe do Centro de Graduação da EBAPE foi escolhida por aclamação em Assembleia Geral Extraordinária, realizada no dia 26 de outubro, durante o XXVI Encontro Nacional da ANGRAD, em Foz do Iguaçu. A cerimônia de posse da nova diretoria está marcada para o dia 15 de janeiro de 2016.

prof_da_ebape

O professor da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da FGV (EBAPE), Henrique Heidtmann Neto, foi eleito presidente da Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Administração (ANGRAD) para o biênio 2016-2017. A chapa encabeçada pelo chefe do Centro de Graduação da EBAPE foi escolhida por aclamação em Assembleia Geral Extraordinária, realizada no dia 26 de outubro, durante o XXVI Encontro Nacional da ANGRAD, em Foz do Iguaçu. A cerimônia de posse da nova diretoria está marcada para o dia 15 de janeiro de 2016.

A missão desta nova diretoria será pensar estrategicamente a ANGRAD para os próximos 25 anos, assim como promover uma leitura atenta aos outros planos em execução e aos planejados pelas diretorias anteriores. Segundo Henrique, a chapa vencedora já começou a estudar as ações para repensar a governança, as parcerias, os Encontros Anuais (ENANGRAD), a revista, os projetos em andamento e os que precisam ser retomados. Ele adiantou ainda que os próximos meses servirão para definirem as prioridades de atuação para maximizar a geração de valor para os associados e parceiros.

“Nosso principal desafio é ser uma importante referência sobre o Ensino de Administração e Gestão no Brasil e na América Latina. Nosso associado, a sociedade, o mercado e o Estado devem ter a ANGRAD como uma instituição que entenda e aponte as principais tendências na área sem perder de vista as características regionais, locais e a diversidade que nós encontramos, pois nossas Instituições de Ensino Superior (IES) encontram-se em um país com uma desigualdade social elevada e um sistema de ensino básico e médio que, apesar dos avanços, ainda tem muitos desafios a serem superados. Em suma, temos que apontar tendências para que a ANGRAD torne-se um porto seguro para entender e agir neste complexo cenário econômico e social em que nossas IES estão envolvidas, estejam elas em pequenos, médios ou grandes municípios e capitais brasileiras”, disse o professor.

A ANGRAD representa o maior contingente de cursos de graduação em Administração do Brasil, com mais de 800 instituições associadas, que representam mais da metade do universo dos cursos de Administração do país. Criada em 1991, a entidade tem desempenhado papel relevante no processo de influência na política pública nacional de educação e participa ativamente de espaços decisórios e consultivos junto ao Ministério da Educação.

Henrique Heidtmann Neto é doutor em Administração pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da FGV (EAESP). Atualmente, ele integra a Comissão Assessora do ENADE do MEC, do Comitê de Graduação da European Foundation for Management Development (EFMD) e do Comitê Latino Americano de Acreditação (EQUAA). Sua experiência profissional inclui ainda a atuação como vice-reitor da Universidade da Amazônia entre 2009 e 2010.

Fonte: FGV Notícias